Programação Completa

CLIQUE AQUI para confirmar sua presença no evento!

SÁBADO: 28 de abril

Socializando o 4º Distrito

O primeiro encontro “Socializando o 4º Distrito” aconteceu durante o Projeto Simultaneidade 3ª Edição – TransVerCidade, realizado em dezembro de 2017 no Vila Flores. Surgiu de uma proposta do coletivo Geração Urbana e das professoras Cibele Vieira (Arquitetura e Urbanismo/PUCRS) e Vanessa Marx (Sociologia/UFRGS) como espaço de debate sobre o desenvolvimento da região do 4° Distrito a partir de diferentes olhares. A intenção é convergir ideias de grupos e movimentos atuantes a partir das possibilidades e condicionantes existentes no território.

Horário: 14h – 16h
Local: Theatro do Abelardo / Vila Flores

Debate QUEM MATOU A CULTURA?

O que é a cultura, para quê e a quem serve? Qual seu valor e função na cidade e em nossas vidas?
Em um período de informação abundante e acessível, de oferta de editais de financiamento para cultura, no momento em que a internet mobiliza e permite a distribuição e descentralização do conteúdo artístico, vemos salas de cinema e de concertos vazias, peças de teatro em temporadas curtas, galerias de arte que nada vendem e ingressos sobrando. A cultura morreu? Quem matou a cultura? Foi morte morrida ou morte matada? Assassinato a sangue frio? Queima de arquivo? Suicídio? É o que queremos investigar neste seminário transdisciplinar, em forma de rito de análise e criação.

Horário: 14-18h
Local: Galpão/ Vila Flores

Bazar Arte e Dança

Esta é a terceira edição do Bazar Arte e Dança! Nosso objetivo é unir artes, teremos exposição de produtos de uma galera criativa, música e dança! Vem curtir uma tarde cheia de arte, gastronomia, criatividade e bom gosto!

Horário: 14h – 18h
Local: Espaço 373

Performance Cris Nunes e Matheus Bittencourt

“Passo pelas estações tão rapidamente, sem olhar nos olhos, dou de cara com a saudade. Já é tarde…”
Coreografia: “Metade de mim é partida, metade de mim é saudade”, de Cris Nunes.
Música: “Encontros e despedidas”, Maria Rita.
Performance: Grupo Experimental 373

Horário: 15h30
Local: Espaço 373

Grupo experimental de dança 373

“Tudo ao meu redor exige velocidade, perfeição, exatidão. Não posso errar, não posso parar… Até quando? Até não poder mais. Até parar.”
Coreografia: Mais (c)alma, de Cris Nunes.
Música: “Paciência”, Lenine.
Performance: Grupo Experimental 373

Horário: 16h – 17h
Local: Espaço 373

SHOW BANDINHA DI DÁ DÓ

“Um show inédito e irreverente que, regido por palhaços, vira um espetáculo e, acompanhado pelo público, se transforma em uma verdadeira festa”
Bandinha Di Dá Dó é á performática banda dos palhaços Cotoco, Teimoso Teimosia, Invisível e Zé Docinho. Surgiu nos palcos da cidade de Porto Alegre em 2005 e é formada pelos músicos Mauro Bruzza (acordeom e vocal), Thiago Ritter (baixo), Gabriel Grillo (guitarra) e Paulo Zé Barcellos (bateria), todos artistas de currículo em trilhas sonoras para teatro, circo e apresentações em diversas cidades do Brasil, América Latina e Europa. A banda apresenta um repertório de composições próprias, tanto instrumentais como cantadas, inspiradas na música cigana, na world music e no rock’n’roll.

Horário: 19-20h
Local: Pátio/Vila Flores


DOMINGO: 29 de abril

DJ

Apresentação de DJ convidado ao longo do dia, no intervalo das apresentações.

Horário: 11h – 22h
Local: Pátio / Vila Flores

Feira Tô na rua edição deslocamentos

Nosso objetivo é mesclar o que a cidade tem a oferecer, evidenciando músicos, expositores, artesãos, designers, estilistas de moda e food trucks locais, em ocupação dos espaços público. Um dos pontos altos de cada evento é a união dos cidadãos de Porto Alegre para um bem maior e solidariedade a quem precisa.
O TÔ NA RUA reúne todos os tipos de entretenimento em um só lugar e para públicos de todas as idades:
* Bandas Autorais e importantes no cenário da música no sul do Brasil.
* Food trucks e foodbikes com delícias feitas artesanalmente.
* Artesãos locais com produtos autorais de diferentes nichos de mercado.
Queremos incentivar os cidadãos a ocuparem os espaços públicos de uma forma positiva, com muita cultura e também com solidariedade. O bem ao próximo é um dos pilares mais importantes deste projeto de mobilização urbana que, quando associado ao consumo consciente, cria uma verdadeira corrente do bem.
Estão todos convidados a fazer parte dessa festa!

Expositores já confirmados:

https://www.facebook.com/bahbinadias/

https://www.facebook.com/vr.bags

https://www.facebook.com/rafaelbernardesbolsas/

https://www.facebook.com/lojasantorei/

https://www.facebook.com/comprekoala/

Horário: 11h-18h
Local: Rua Hoffmann

Fervinho Mundaréu edição deslocamentos

MUNDARÉU é um multinegócio que reúne comércio de antiguidades, produção e criação de eventos. Fundado em 2017 por Rodrigo Sandri, o MUNDARÉU fica num pavilhão no Bairro Floresta, em Porto Alegre. A propagação do conceito de reúso, a conservação da memória das coisas, a valorização do estilo e da beleza e a promoção do entretenimento com criatividade são os guias do negócio. No MUNDARÉU você encontra: produção e criação de eventos; antiguidades; colecionismos; curiosidades; garimpo; decoração; utilitários; montagem de ambientes e jardins; leilões;  arte;  exposições; garage sales

No mesmo lugar também funciona um instituto de desenvolvimento humano chamado Pacífico.

Horário: 11h – 18h
Local: Mundaréu

Miolo Nerd

No Deslocamentos 4D, o Matehackers vai promover uma amostra de projetos de seus integrantes e outras pessoas que queiram mostrar suas invenções. Pedais de guitarra com arduíno, robôs, bots, leds, emuladores de videogames e outra traquinas digitais produzidas pelos hackers vão estar espalhadas pelo espaço junto com seus autores, como uma mostra de feiras de ciências. Haverá uma fala inicial sobre conhecimento aberto e cultura livre, em que os integrantes do grupo vão expor sua visão sobre o assunto, e depois cada um dos projetos vai ser apresentado brevemente, com espaço para conversa na sequência.

CONVITE: Se vc tem algum projeto que quer apresentar para um público diverso e “fora da bolha” da tecnologia, de um pedal de guitarra com arduíno a uma piratebox num cachorro, coisas úteis ou inúteis, acabadas ou começadas, artísticas, sociais, técnicas, nível fácil ou nível hard de conhecimento, se inscreva nesse formulário (4 campos, rapidim) pra gente organizar os projetos para o sábado: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSe5ztidelKwZD_SzP5gQaqBE0ZwXqt-90GcVTuOEnVYj8waiw/viewform?usp=sf_link

Horário: 14h – 21h
Local: Espaço Miolo / Vila Flores

 

Papo Deslocado

Conversa informal com convidados e público sobre comportamento, cultura, trabalho sexual, diversidade, movimentos sociais e sua repercussão nas ruas e nas redes. A conversa será comandada por Gabriel Galli – jornalista, socialmedia, militante LGBT, Presidente da ong Freeda.

Horário: 14h – 15h
Local: Kombi / Vila Flores

 

Oficinas Makers

Todas as oficinas são gratuitas e abertas ao público.

01 – Oficina demonstrativa de Kokedama

Venha conhecer essa técnica que vem encantando as pessoas. Kokedama é um método de cultivo desenvolvido no Japão que utiliza materiais simples e requerer poucos cuidados, muito prática e gostosa de fazer. Demonstração, dicas e cuidados.

Maker: Luciana Costa de Oliveira.

Iniciativa: Flor de Oliveira / facebook.com/aflordeoliveira

02 – Oficina demonstrativa de Recorte com serra Tico-tico de mão para iniciantes

A proposta é que os participantes tomem conhecimento da matéria prima, Madeira, e da ferramenta, a Serra Tico-tico de mão. Com a orientação de uso da ferramenta os alunos criam ( mão livre) um desenho ou uma forma que desejam recortar na madeira plana, de forma bem espontânea, a gosto. Após realizar o recorte, iniciamos a fase de lixação, com orientação e mão na massa! E por fim a etapa da pintura e acabamento.

Maker: Talita Demartini.

Iniciativa: Ksulo / facebook.com/EspacoKsulo

03 – Oficina de revestimento de cabos para luminárias e extensões

Demonstração do processo de montagem e materiais usados para revestimento de cabos PP antichama com tecidos coloridos, considerando o uso para fins elétricos.

Maker: Alexandre Lopes Fagundes.

Iniciativa: Luz Feito a Mão / facebook.com/luzfeitoamao

Horário das oficinas: 14h – 16h
Local: Rua Hoffmann

Samba de Mestre

Mesa de samba com grupo de músicos sambistas e carnavalescos, liderados pelo Mestre Nilton.

Horário: 14h – 16h
Local: Rua Hoffmann

Oficina Gamificação

A oficina é gratuita e a inscrição é por ordem de chegada. Chegue antes das 14h para garantir vaga. Limitado à 25 participantes.

A maior qualidade que se pode extrair de um jogo é sua capacidade de engajar pessoas. Como podemos usar isso no dia-a-dia, nas empresas, nos projetos e campanhas para trabalhar objetivos e comportamentos? Esse workshop foi criado para responder essas questões e instrumentalizar empresas e pessoas para engajar equipes, traçar soluções e criar mecânicas certeiras.

Horário: 14h – 16h
Local: Vila Flores

 

Videoinstalação

“Distrito Floresta – Registros Imaginativos em Vídeo”

O artista Marcelo Monteiro explora com suas lentes o bairro Floresta em Porto Alegre, um bairro que já foi industrial e hoje abriga prostituição e uma vila de catadores de lixo, onde atualmente tem surgido novos atelieres e iniciativas da economia criativa.

Capturando cenas do cotidiano de um distrito que a mais de um século foi caminho para uma floresta, fazendo a sobreposição destes registros com imagens pictóricas e pitorescas de matas nativas transformando a paisagem e a descolando de seu tempo.

Horário: 14h – 21h
Local: Galpão Lounge / Vila Flores

 

Cartas na Rua

Cartas na Rua apresenta um repertório rock, folk, bluegrass e country, no formato banjo, violão, mandolin e baixo. Com mais de dois anos de estrada, o grupo – surgido a partir do trabalho da banda autoral Cartas para Bill – apresenta algumas canções autorais, além dos belos arranjos construídos para canções conhecidas do público apreciador de rock, folk, bluegrass.

Horário: 15h – 16h
Local: Palco / Vila Flores

Maratona de Piano

Apresentações de músicos no piano do projeto Piano Livre, instalado no Hostel Boutique. Músicos participantes: Cris Todeschini, Giulia Nakata, Sofia Amon e Lucas Brunet. Curadoria: Hique Gomez.

Horário: 15h  – 17h
Local: Calçada do Porto Alegre Hostel Boutique, esquina das ruas São Carlos e Gaspar Martins

 

Instalação Imagem e Movimento

Imagem e movimento integram a ambiência-instalação proposta pelo Coletivo Tônuma. Uma Bailarina se move simultaneamente com criação de imagens que configuram e mapeiam o espaço. Essa bailarina, em alguns momentos, propõe movimentos e isso modifica a imagem, e, em outros segue o fluxo que é construído pelas formas, desenvolvendo uma performance única a cada apresentação.

Horário: 16h – 16h30
Local: Galpão Lounge / Vila Flores

Homem Banda

A Cia1Péde2 apresenta o Homem Banda. Quando ao longe soa um harmonioso acordeon acompanhado por chocalhos, pratos, bumbos e apitos…. e imagina-se que lá está a banda! E está mesmo, mas não uma banda comum e sim uma banda inteira feita de um homem só. É ele que se apresenta, MauroLauroPaulo, um artista inventor que aliado ao público, traduz sua tamanha inquietude entre um espetáculo e uma parafernália cheia de sonoridades.

Horário: 16h – 17h
Local: Rua Hoffmann

 

Banda Salsicha

Uma banda composta por 5 cantores bailarinos que executam famosos hits de sucesso da década de 70. São eles, os incríveis cachorros da Banda Salsicha Recheada. É a mais nova produção da Cia Caixa do Elefante Teatro de Bonecos que comemora este ano 27 anos de fundação.

Horário: 16h30 – 17h e 18h30 – 19h
Local: Palco Galpão / Vila Flores

Sarau #Deslocamentos4D

Sarau de música e literatura com a atriz Mirna Spritzer, a pianista Dunia Elias e o ritmista costamarfinense Loua Pacom Oulai

Horário: 17h – 18h
Local: Palco/ Centro Cultural Vila Flores

Tenondé

Apresentação do musical Tenondê, com o artista urbano Xadalu e sua banda formada por músicos da comunidade guarani. A performance inclui fogo, chimarrão, contação de histórias da mitologia guarani e música com instrumentos da cultura indígena.

Horário: 17h – 18h
Local: Rua Hoffmann

Animália

“Animália” com Paula Finn

Provocação sobre o ser animal. “Animalia” é um processo de pesquisa que parte da pergunta: somos todos animais?

Horário: 18h – 18h30
Local: Galpao Louge/vila flores

Hique Gomez

Hique Gomez em recital solo (teclado e Craviola). Autor-compositor-intérprete, seu repertório é diverso, com músicas próprias e canções de Zé Rodrix, Raul Seixas e outros.

Horário: 19h – 20h
Local: Palco Kombi / Vila Flores

Rita Benneditto

A cantora apresenta o show Benneditto Seja!, em que mistura as canções mais populares de seus discos, incluindo o aclamado Tecnomacumba. Em Benneditto Seja!, Rita mostra o alcance de sua voz. O repertório passeia pelos sons de tambores e sambas de roda à introspecção, reunindo canções como Divino, Há Mulheres, Oração ao Tempo, Contra o Tempo e outras mais dançantes como Domingo 23, O Conforto dos teus Braços, A Deusa dos Orixás e Jurema. Rita Benneditto, que possui como características marcantes o ritmo e a presença cênica, mostra neste show um modelo semi-acústico, acompanhada pelo multi-instrumentista, arranjador e compositor Fred Ferreira (violão, guitarra e vocais) e pelo grande mestre dos ritmos, Ronaldo Silva (bateria, percussão e vocais), que imprimem levadas criativas às canções que se destacam em novas versões.

Horário: 20h – 21h
Local: Palco / Vila Flores